Tag Archives: photos

Cocoricó

Sempre passei minhas férias de infância na casa da minha avó, numa cidadezinha calma e pitoresca no norte do Brasil. Ficava eufórica quando chegava lá e corria até o quintal, onde ela criava várias galinhas, apenas para vê-las comer milho e se disputar entre si. Os galos, como sempre, demarcando território com suas cristas vermelhas e atraentes, chamavam a atenção pela exuberância e porte altivo de “dono do terreno”. As galinhas, mais discretas, comiam juntas, em círculo, ou acompanhavam os seus pintinhos à procura de abrigo antes da noite cair.

Quando me deparei com as imagens do fotógrafo Ernest Goh, fiquei nostálgica, relembrando esse momento especial da minha infância. Goh, que nasceu em Cingapura, explica sua técnica para captar imagens da exuberância dessas aves. “Passo o dia observando atentamente seus movimentos sem provocar barulho ou causar nenhum impacto que as deixe estressada. Às vezes para conseguir uma única imagem, preciso ficar horas e horas, apenas aguardando o momento ideal para clicá-las”, comenta o fotógrafo. Até 31 de Janeiro, essa coleção estará em exibição e à venda na galeria Pobeda, em Moscou. Para maiores informações, clique  aqui: http://pobedagallery.com/

Posted in Diversos | Tagged , , , , | Comentários desativados em Cocoricó

Inesquecível

Anne Deniau foi a única fotógrafa que acompanhou, ao longo de treze anos, o designer britânico Alexander McQueen. Desses momentos singulares, raros e preciosos, ela captou imagens de extrema beleza que revelam o grande talento desse artista. Essas imagens, compiladas no livro “Love Looks Not with the Eyes”, em tradução livre “O amor não olha com os olhos”, publicado pela editora La Martinière, é um presente para quem admira o trabalho delicado e inspirador do estilista McQueen.

Posted in Moda & Modos | Tagged , , , | Comentários desativados em Inesquecível

La Casta

Água, pedra bruta, luz e sombra. Estes foram os elementos naturais que, associados, às linhas sóbrias e gráficas da arquitetura suíça, desenharam em preto e branco as curvas sensuais da atriz Laetitia Casta. Longe dos estúdios, a fotógrafa convidou Laetitia a passear nua durante três dias por entre as salas das termas de Vals, enquanto ela se ajustava à luz e às sombras do local para delinear a escultural atriz. Em nenhum momento Laetitia aparece completamente nua, ela mostra algumas partes do seu corpo, evidenciando uma fotogenia fora do comum. O livro, lançado recentemente pelas edições Xavier Barral, em Paris, é uma ode ao corpo feminino e uma forma de sublimar a beleza das termas de Vals e a arquitetura suíça de Peter Zumthor.

Dominique Issermann é uma habituée do mundo da moda, das artes e da publicidade. Uma das suas primeiras fotos mostrava a coleção de lingeries criadas por Karl Lagelfeld para Chloé, nos anos 70. Desde então ela assina as campanhas publicitárias dos perfumes Chanel, Dior, Lancôme e as coleções de moda de Claude Montana, Thierry Mugler, Sonia Rykiel, Saint Laurent, além de ter vários artistas que já posaram para ela, como Catherine Deneuve, Isabella Rossellini, Jane Birkin, Gérard Depardieu e Balthus. No cinema, Issermann acompanhou as filmagens de « 1900», de Bernardo Bertolucci, e « Casanova », de Fellini para compor o editorial da revista « Zoom ».

“As imagens em preto e branco sugerem uma obra artística, enquanto as fotos coloridas parecem estar coladas à realidade. Prefiro as primeiras, que me permitem fazer uma reinterpretação do que vejo”, afirma a fotógrafa. Reputada por não utilizar nenhuma luz artificial fora dos estúdios, Dominique Issermann se valeu da arquitetura das termas de Vals para, de acordo com a luminosidade local, fotografar a atriz. « Não tinha comigo nenhum spot ou refletor, o que fiz foi me apropriar da luz natural que passava por entre as fendas. Essa luminosidade parecia desenhar um caminho luminoso, que eu e Laetitia seguíamos. Era uma espécie de jogo entre a sombra e a luz.”

Nas fotografias a atriz mostra algumas partes do seu corpo e esconde outras, enquanto anda entre os corredores ou posa debaixo da água, confiando sua nudez à Dominique Issermann, que capta toda sua beleza numa coreografia improvisada. “Uma mulher bonita, curvilínea e nua, colocada na perspectiva de um edifício de arquitetura minimalista, não deixa de ser uma construção metafórica sobre a harmonia de gêneros diferentes”, resume o fotógrafa.

Posted in Caprichos, Frescurites | Tagged , , , , , , | Comentários desativados em La Casta