Tag Archives: Frans Haks

Ars longa

“Todo mundo é diferente, por que um museu não pode sê-lo?”, costumava afirmar o diretor do museu, Frans Haks (1938-2006), durante a construção do novo Museu Groninger. Este foi o início de um grande projeto, ao qual iria juntar-se o designer francês Philippe Starck, Michele de Lucchi, arquiteto e designer italiano, e a empresa austríaca Coop Himmelbau.

A arquitetura do museu Groninger, de tão original e inusitada, foi fortemente contestada. De toda forma, essa obra que não faz unanimidade, agradando a uns e desagradando a outros. Mas ela tem um ponto em comum: não deixa ninguém indiferente. Graças à vontade férrea de um mestre ambicioso que contribuiu para que o Groninger se tornasse um dos lugares de referência das artes mundiais, que conjuga arquitetura e design apartir de todos os aspectos da sua estrutura.

O museu foi construído numa ilha artificial que abriga três edifícios. Esses espaços refletem as abordagens artísticas de cada um dos arquitetos e designers envolvidos, mas é a torre do pavilhão central que primeiro atrai o olhar dos visitantes. Com altura acima de 30 metros, sua cobertura em laminado dourado, confere ao prédio um símbolo de extravagância ao mesmo tempo que indica as riquezas artísticas que o museu abriga. Situada entre dois blocos idênticos, um rosa e outro verde pastel, a torre abriga, respectivamente, um auditório e uma sala dedicada às crianças, de um lado; uma loja de souvenirs e o café-restaurante com vista para o canal, de outro. No centro, uma escada em espiral, composta de mosaicos, fornece acesso às várias salas do museu.

http://www.groningermuseum.nl/

Posted in Frescurites, Visitar | Tagged , , , | Comentários desativados em Ars longa